segunda-feira, 30 de outubro de 2006

Volta do Fim de Semana





Este fim de semana, a coisa até prometia...sol depois de uma semana com muita chuva.

O compadre Sandro teve falta de comparência por indisposição...o Blito com a sua bike do jumbo teve problemas técnicos, deu 2 (duas) pedaladas e ficou out (já não se fazem bicicletas como antigamente)...fiquei eu o Gil e o Miguel...e fomos...

Começamos ali junto a São Paulo em direcção á pedreira, sei que andámos por ali (onde dei um espalho...mas sem danos), depois subimos as Necessidades Velha e fomos por cima pelo moinho das Necessidades até à Comenda, depois regressámos por estrada a Setúbal, foi uma volta muito soft...eu arrastei-me grande parte do percurso....mas depois da comenda...ou seja na parte final...fui buscar energia não sei onde e vim sempre a puxar ate Setúbal...até fiquei parvo com a energia que trazia...

No final, já a chegar ao ponto de encontro cruzámo-nos com o Blito e família...
Agora tenho que remendar outro furo (sim tive mais um furo...agora foi atrás), para ir andar na Quarta...

Algumas fotos da Volta (as outras já sabem estão em http://picasaweb.google.com/msilva74)



















O Gil e os seu furos







Esta ficou bonita
























E esta também...

sexta-feira, 27 de outubro de 2006

ON THE ROAD - UMA VIAGEM PELA ESTRADA PAN AMERICANA


Um colega meu que fez uma viagem ao Canadá encontrou um Português da zona de Leiria que está a fazer a travessia do continente Americano de bicicleta. A aventura vai demorar cerca de 1 ano. Se quiserem e estiverem interessados podem dar uma vista de olhos no site onde ele vai actualizando o log da viagem:
www.ontheroad.eu.com

Vejam só o currículo de viagens do senhor:
Currículo de Viagens

Aquecimento


Publico aqui uma cena que encontrei na net...um mapa de exercicios de aquecimentos para BTT...

segunda-feira, 23 de outubro de 2006

Ainda a volta de Alcaçer


Bem também acho que devo de contribuir para este espaço... Vou resumir a minha aventura nos 60km...


Já muito se falou da minha preparação (ou falta dela) para esta maratona...Estive dois meses parado pela simples razão do horário dos treinos coincidir com o horário de fecho das discotecas…

Na semana anterior e como narrado pelo Blito, compareci ao ultimo treino para a dita, o mesmo correu-me bem, pois não sei porquê, mas passei parte do tempo a experimentar as velocidades da bicicleta tal como tinha lido nuns forums por aí…e dessa forma começo a tirar mais partido do esforço que despendo…só não medi o esforço na subida da rampa da Arrábida…pois a partir dai foi um arrastar-me até Setúbal (cheguei mesmo ao ponto de já não conseguir puxar em estrada plana)…mas com calma lá cheguei ao final…).

Durante a semana ainda fui a uma aula de Spinning, com o amigo Sandro…

No fim de semana na noite de Sábado em convívio com os meus amigos Blito, Sandro, e Pedro (sim…estávamos em estágio para a prova) comecei a sentir sintomas de Gripe…tomei um Aspegic e deitei-me…na manhã da Prova Sentia-me bem mas tomei novamente um outro Aspegic…Tomei o meu maravilhoso Pequeno almoço…Meia lata de leite condensado com um iogurte liquido e frutos secos…que bomba…Abasteci-me e lá fomos direito a Alcácer…

No local continuava a sentir-me bem…e na meia maratona dita joguei sempre á defesa…subidas a maior parte, fi-las a pé…nunca tentei acompanhar ninguém…logo no inicio outro Betetista caiu para cima de mim…mas nada a registar…depois registo a cena de um jovem muito novo (talvez 9 ou 10 anos) ter passado por mim a subir e nunca mais o vi…que raça que força…depois tentei a aventura numa descida em que desviei duas arvores com os olhos e depois noutra em que era suposto virar no final da descida e eu fui de frente contra as silvas (picam)…comecei a perceber que os meus reflexos já não eram os melhores a partir daí passei um mau bocado entre os 30 e os 40 km…foi um sacrifício…depois fui buscar forças (Cubos de Marmelada = Estreia absoluta para a prova)…e parti para uns 5 a 6 kilometros a solo cheguei a pensar que o pessoal já estava todo a almoçar…como companhia só as vaquinhas…na recta final ainda tentei sprintar para não perder mais lugares mas não tive forças para isso…

Cheguei ao final com a sensação de missão cumprida…muito cansado…muito mesmo…mas com o desejo de na próxima estar melhor preparado…Esta terminou em 160º de 202…não foi nada mau…






Uma Palavra ainda para as paisagens...e para a claque durante a prova...aquelas maravilhas castanhas....não eram gajas...eram mesmo vacas...lindo gostei...




Aos amigos que me incentivaram…e partilharam esta vuelta …um abraço enorme…



(este é o meu primeiro post...não estou a conseguir trabalhar bem com as fotos mas...)

sábado, 21 de outubro de 2006

Para mim, desilusão...

Para mim, desilusão...
É desta forma que eu descrevo a minha participação na 2ª Maratona do sado de 15 de Outubro.
- Terminei a prova.
- Consegui percorrer os 100Km em 5h23m18s.
- Mas o meu terceiro objectivo não era ficar em 64º lugar, longe disso.
A prova estava a correr-me bem, mas aos 30Km tive um furo na roda de trás, perdi alguns 30m ( isto comparando as horas das fotos do Marco, partida com chegada ), e muitos, mas muitos lugares. Quando comecei a trocar o pneu ainda pensei que poderia recuperar, apesar de passarem por mim imensos atletas. Mas quando terminei ia virar a bike para continuar e vi uma pastilha de travão no chão... sou sincero, as lágrimas vieram-me aos olhos, estão a ver o que é desmontar tudo de novo, meter pastilhas, afinar travões e ao mesmo tempo ver que mais um pouco e era o ultimo, tal não era a quantidade de pessoal a passar por mim...
Depois, para além de ter parado e estar frio, querer continuar e recuperar, para além de me ter começado a doer o joelho ( e foi a doer até ao final ), para além de saber que tudo estava perdido, pensei que não podia desistir...
Comecei a pedalar,e a convencer-me a mim próprio e às minhas pernas de que ainda podia passar alguem.
O pior foi quando o pessoal dos 60Km virou à esquerda e tive que ir em frente, ai é que começou a apertar a vontade de sair dali. Andei desde os 42Km até aos 68Km sem ver viva alma, nem à frente para fugir, nem atrás para apanhar, depois, depois foi a cada subida apanhar aqueles a quem as pernas doiam mais do que a mim, e pelos que passei não eram assim muito poucos.
A prova para além de não ter muitas subidas foi muito dura, tinha muita areia solta, os ultimos 12Km eram feitos quase todos em areia solta.
No final, quando cheguei à Meta, não conseguia tirar os pés dos pedais, tal não era a quantidade de areia que trazia nos pedais, o engraçado, foi o pessoal da organização a correr para me ajudar e a dizerem que é normal depois de 100 km a malta já não ter forças, isto porque o gajo que chegou dois lugares antes de mim ia cheio de dores... ( desculpa Sandro... ).

Classificações:

Eu 64º Lugar ( 100 Km )

Sandro 62º Lugar ( 100 Km )










Marco Monte excelente 44º lugar ( 100 Km )












Pedro Leuschner 142º lugar ( 60 Km )














Marco 160º lugar ( 60 Km )
( nada mal para quem nos dois ultimos meses o unico treino se limitou à volta da semana anterior, grande Marco, é assim mesmo! )



Apesar da desiludido com a minha prestação, para o ano que vem estou lá.
A todos os que aceitaram o meu convite, o meu muito obrigado, não ganhámos, mas sempre ganhámos qualquer coisinha, aliás, ganhamos sempre...

quarta-feira, 18 de outubro de 2006

O Primeiro Beijo.

Há quem diga que o primeiro beijo nunca se esquece, será?????

quinta-feira, 12 de outubro de 2006

quarta-feira, 11 de outubro de 2006

Treino de dia 8 outubro

E os treinos continuaram, desta vez, com dois atletas que vão aos 100Km ( eu e o Sandro ) e um aos 60 Km ( Marco ).
E o treino de Domingo foi bastante puxado, ao ponto de termos chegado todos separados, eu e o Sandro, o Gil e o Miguel, e o Marco acabou por chegar sozinho ( não é de admirar visto ter ido para a borga na noite anterior, toma! )
A volta começou com um aquecimento, subida ao castelo de setúbal seguido de subida à " rampa da Arrábida".
Depois deste aquecimento, a volta prolongou-se por 60 Km e por 3h e 21m.
Ficam aqui algumas fotos:

- Antenas na Arrábida.



- A " rodar ".




- Por caminhos, com viaturas autorizadas, claro...



- Para mais tarde recordar...



- Depois de ter tido um ligeiro acidente, e ter ido ao tapete, achei muito estranho, eles virem a correr para me ajudar, conclusão, vinham tirar fotos do meu " espalho ".

Pelo vosso esforço, aqui fica o que conseguiram apanhar do acidente:

terça-feira, 10 de outubro de 2006

Aviso para o pessoal dos 60Km

A todos aqueles que forem à Maratona de Alcácer, queremos que saibam que no meio de tantos inscritos está um verdadeiro profissional que tem como intenção uma única coisa ao participar, vencer.
E sem menosprezar nenhum dos atletas já inscritos, mas eu tive o prazer de ver este homem a treinar para a Maratona, e digo-vos novamente, ele vai vencer.
Apesar do ar dele simpático, é assim que se vai apresentar na linha da partida, o homem é uma verdadeira máquina de pedalar, por isso aqui fica o nosso aviso, se o virem passar não tentem de forma alguma seguir no mesmo andamento que ele, porque para o comum dos mortais é um passo para a desistência.
Ele irá correr com o número 520 e no Domingo que passou apresentou-se desta forma para pedalar com a malta os 60 Km que fizemos pelo mato, com muitas subidas ( as quais ele devorou como se estivesse a descer, é impressionante! )